Jungheinrich abre centro de desenvolvimento em Zagreb dedicado à digitalização e automação

A Jungheinrich abriu um novo centro de desenvolvimento de software e hardware na capital croata, Zagreb. Com a “Jungheinrich Business Services Croatia”, o especialista em intralogística está a expandir ainda mais a sua experiência em digitalização e automação e a responder à crescente procura dos seus produtos digitais. Neste centro os especialistas em TI estão a desenvolver software e hardware ler mais…

“Futuro do Trabalho em Logística”: as próximas décadas serão aumentadas e automatizadas!

Compreender o potencial que as novas tecnologias têm para transformar a logística e a velocidade a que estas mudanças virão é fundamental, sobretudo, à medida que nos preparamos para o futuro do trabalho. Quando se olha para o futuro, é evidente que esta adoção às tecnologias se acelera, a transformação digital completa da logística é um caminho de várias décadas ler mais…

Automação transforma o sector da logística

À medida que as empresas se adaptam às alterações do mercado e ajustam as suas operações à nova realidade são vários os desafios com que se deparam. A introdução de tecnologias de automação pode aliviar a pressão dos centros de logística e distribuição e dar resposta às exigências crescentes do e-commerce e resolver o problema da falta de recursos humanos. ler mais…

BOWE Group fortalece aposta na intralogística em Portugal

A Böwe Systec, fornecedor de soluções de automação e de IoT para intralogística e printing and finishing, com sede em Augsburg, na Alemanha, alterou recentemente a sua designação para BOWE Group. Esta mudança faz parte de uma estratégia de fortalecimento do grupo que conta com 76 anos de actividade e que está presente em Portugal há mais de 40 anos, ler mais…

CTT investem 3 milhões para dar resposta à Peak Season

Para dar resposta à Peak Season e aumentar a sua capacidade operacional, os CTT – Correios de Portugal vão investir mais três milhões de euros em equipamentos. O investimento assenta nos novos Centros de Operações, permitindo aos CTT crescerem também mais 20.000 metros quadrados. Os Centros de Aveiro e Leiria já iniciaram a actividade, já o de Palmela tem arranque ler mais…

‘Digitalizar’ o setor logístico: para quando?

Os diversos setores económicos têm vindo, regra geral, a evoluir rapidamente. O setor logístico, no qual podemos incluir a indústria fabril, não é exceção. Na última década, as empresas manufatureiras têm experienciado mudanças cada vez maiores em direção à sua automação, à descentralização dos orçamentos dedicados à tecnologia, à adoção de serviços baseados na cloud e, até, de tecnologias de ler mais…

Feira dos Sofás: 21 lojas e a somar

Fundada há quase 30 anos, a Feira dos Sofás detém 21 lojas e está no processo de abertura de mais seis, que já estão projectadas e em fase de licenciamento. O próximo grande investimento será na automatização de alguns processos de logística e armazenagem, de forma a colmatar, em grande parte, a falta de recursos humanos. A Logística Moderna esteve ler mais…

OLI investe num armazém inteligente em Aveiro para armazenar meio milhão de produtos

A OLI, especialista ibérica na produção de autoclismos, investiu 10 milhões de euros na décima ampliação do seu complexo industrial em Aveiro, onde irá nascer um armazém inteligente, cuja automatização logística permitirá armazenar 6200 paletes e perto de 500 mil produtos embalados. A construção de um novo edifício, com uma área de 7 000 metros quadrados, iniciou-se este mês e ler mais…

SUMOL+COMPAL com novo armazém automático em Almeirim

Com o seu novo armazém automático em Almeirim, a SUMOL+COMPAL pretende duplicar a capacidade de armazenagem, aumentar a rapidez de expedição, reduzir os stocks totais de produtos acabados nas operações em Portugal e eliminar duplos transportes, reduzindo a pegada de CO2 em cerca de 1.000 toneladas por ano. Num investimento de 15 milhões de euros esta nova infraestrutura responde aos ler mais…

Luís Simões acelera Logística 4.0

Segundo a Luís Simões em 2019 foram distribuídos 243.9 milhões de toneladas de mercadorias por estrada em Portugal e, apesar do impacto que a pandemia teve no comércio de bens não essenciais, durante o primeiro trimestre de 2021, o transporte rodoviário de mercadorias cresceu 8,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. Para o operador logístico, a crise sanitária ler mais…