Economia portuguesa deverá crescer 6% em 2021

A economia portuguesa deverá sofrer uma recessão de -8% este ano, em linha com a média da Zona Euro, e crescerá +6% em 2021, acima da média da Zona Euro (de +4,8%), estima a Euler Hermes, accionista da COSEC – Companhia de Seguro de Créditos, antecipando, contudo, que Portugal não recuperará totalmente das perdas causadas pela pandemia antes de 2022. ler mais…

Novo estudo mostra impacto da pandemia nas supply chains globais

Mais de 90% das empresas acreditam que a disrupção das cadeias de abastecimento globais causada pela pandemia vai ter um impacto de longo prazo nos seus negócios. As indústrias aeroespaciais e de defesa até ao momento foram as mais afectadas, mas é esperado um «impacto muito grande» para os vários sectores da economia, pelo que é imperativo monitorizar de forma ler mais…

Cinco perguntas para melhorar o desempenho das operações nas cadeias de abastecimento

A Covid-19 tem colocado pressão nos diversos sectores, nomeadamente no que diz respeito ao funcionamento das cadeias de abastecimento globais que se encontram sob elevados níveis de perturbação e incerteza. Os profissionais da cadeia de abastecimento têm vindo a reagir e a adaptarem-se à “nova normalidade”, desde paragens de produção, escassez de fornecimento a fechos e desafios nas entregas, principalmente ler mais…

Têxteis e vestuário na Zona Euro: Quebra de facturação poderá chegar aos 19% em 2020

O volume de negócios da indústria têxtil e de vestuário na Zona Euro deverá registar uma quebra de -19% em 2020, o que poderá levar a que cerca de 158 mil postos de trabalho e 13 mil empresas possam desaparecer até ao final de 2021, estima a Euler Hermes, accionista da COSEC – Companhia de Seguro de Créditos. De acordo ler mais…

Jungheinrich AG diminui impacto do Covid-19 com “medidas precoces”

Os resultados da Jungheinrich AG, no primeiro semestre de 2020, foram afectados pelo declínio do mercado global de equipamentos de movimentação de carga verificados no segundo trimestre, derivado da actual crise provocada pelo novo coronavírus. Segundo o grupo alemão, a entrada de encomendas registou uma redução de 12,3 por cento, para € 1.811 milhões no período em análise. Com 53,9 ler mais…

Makro adapta operações para evitar contágio: «A estratégia é desenvolvida quase ao minuto»

Conscientes da sua importância no abastecimento de bens essenciais, o grossista Makro não ficou indiferente à actual crise e rapidamente adaptou as suas operações à nova realidade. Implementou planos de contingência para prevenir o contágio, criou serviços direccionados para o canal Horeca, abriu as suas lojas aos consumidores e apostou em parcerias com produtores nacionais. Foi ainda criada uma task ler mais…

«Cadeias de abastecimento à prova de futuro»

A pandemia do COVID-19 continua a mudar o mundo do trabalho, impactando a maneira como comunicamos e gerimos os negócios, globalmente. À medida que diferentes partes do mundo passam pelas fases de pico, há que não esquecer as várias áreas fundamentais para todos nós, incluindo o da cadeia de abastecimento, e a eficiência que está cada vez mais desafiada, afirma ler mais…

COVID-19: Auchan garante segurança desde o Centro Distribuição Nacional até às lojas

Depois de todas as lojas próprias Auchan e My Auchan serem inspeccionadas e aprovadas com o selo Safety covid by ALS, a empresa assegura também as medidas de segurança face ao Covid19 no espaço responsável pelo processo de distribuição através do qual os produtos chegam às lojas. Desta forma, a Auchan Retail Portugal acaba de receber a aprovação para o ler mais…

Relatório Nielsen aponta novo caminho para o consumidor

A Nielsen desenvolveu o “COVIDisruption: O novo caminho do consumidor”, um relatório de avaliação do modo como a pandemia COVID-19 impactou o consumo de FMCG em Portugal e de definição de novas tendências na relação entre marcas e retalhistas e consumidores. A análise desenvolvida integrou as quatro fases de impacto da COVID-19 no consumo de FMCG: Pré-COVID (semanas 1 a ler mais…

Estudo da ITMF sobre o impacto da pandemia Corona na indústria têxtil global

Entre 20 de Maio e 8 de Junho, a ITMF (International Texti le Manufacturers Federation), realizou o quarto estudo sobre o impacto da pandemia do coronavírus na cadeia de valor têxtil junto empresas associadas. Este estudo contou com um total de 600 empresas a nível mundial. Segundo este estudo, as encomendas continuam em média, com uma redução superior a 40%. ler mais…