Garland: «Movimentos de mercadorias de Portugal para os EUA aumentam»

A Garland Transport Solutions, criada há cerca de um ano, resultante de uma reestruturação do Grupo Garland, adianta que os movimentos de mercadorias de Portugal para os Estados Unidos aumentaram, na sequência da guerra comercial entre os norte-americanos e a China. Peter Dawson, presidente do Grupo Garland explica que: «O conflito entre os Estados Unidos e a China está já ler mais…

Dachser «preparada para todos os desafios» do Brexit

Com as incertezas que se vivem perante a falta de acordo por parte do governo Britânico relativamente ao Brexit, a Dachser «está consciente das dificuldades da saída, mas mostra-se confiante na flexibilidade logística que conseguirá continuar a assegurar». Em comunicado, a multinacional vez saber que «está preparada para todos os cenários». «Estamos numa posição que nos permite reagir com flexibilidade ler mais…

Brexit: Navio partiu do Reino Unido para o Japão sem saber o que o espera à chegada

O ministro do Comércio do Reino Unido admitiu na terça-feira que um acordo de livre comércio com o Japão não seria concluído a tempo de resolver os problemas que um navio cargueiro que deixou a Grã-Bretanha com destino ao Japão pode enfrentar por causa do Brexit. A UE negociou recentemente um acordo comercial com o Japão, mas não está claro se o ler mais…

Premier Foods vai aumentar os stocks por causa do Brexit

Um dos maiores fabricantes de alimentos do Reino Unido disse que vai começar a criar stocks contra possíveis atrasos nas fronteiras que possam ser causados ​​pelo Brexit. A Premier Foods, por trás das marcas Bisto, Lloyd Grossman e Kipling, disse que se está a preparar para aumentar seus stocks de matérias-primas “na ausência de certeza” sobre o resultado das negociações ler mais…

No Reino Unido o Brexit pode provocar o aumento de custos de 9.3 mil milhões na Supply chain do retalho alimentar na ausência de um acordo

A falta de um acordo do Brexit pode custar aos retalhistas alimentares e à sua cadeia de abastecimento 9,3 mil milhões de libras, de acordo com um novo relatório do Barclays Corporate Banking. Na ausência de um acordo,o  Brexit criaria uma tarifa média de 27% para cadeias de abastecimento de alimentos e bebidas. Uma vez que as margens medias no ler mais…