Grupo Jerónimo Martins avança com investimento na Plataforma Logística de Castanheira do Ribatejo

O grupo Jerónimo Martins vai avançar com o seu projecto na Plataforma Logística de Castanheira do Ribatejo. Em causa está a construção de uma unidade de processamento de carne e distribuição.
De acordo com a notícia divulgada ontem pelo jornal “O Mirante”, a informação foi avançada na última reunião da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, após a aprovação, por unanimidade, de uma proposta de alteração ao loteamento da plataforma que visa ir ao encontro das necessidades da empresa.
Para o presidente da autarquia, Alberto Mesquita, esta é a “pedra de toque que abrirá caminho a que mais empresas se venham a fixar naquele espaço”. Segundo o mesmo jornal, em causa está a redução de uma área de 10 para quatro lotes, a remoção da portaria e a eliminação de 150 lugares públicos de estacionamento numa bolsa que tinha 600 lugares. Alberto Mesquita aponta ainda que “já existe um contrato de promessa de compra e venda entre a Jerónimo Martins e a dona da plataforma logística, mas o negócio só será definitivo quando aprovarmos estar alterações ao loteamento (…). Haverá condições para as obras avançarem em 2017/2018”.
A mesma fonte salienta que a respectiva plataforma logística passará a ser encarada como uma “Plataforma de Actividades Económicas”, ou seja, “irá lentamente converter-se em área empresarial”, potenciando a instalação de empresas transformadoras e não apenas logísticas.

Partilhar este artigo...Share on Facebook0Share on LinkedIn0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Print this pageEmail this to someone